Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

EUA testam vacina contra o vício em nicotina (11/6/2006)
ACTBR

Fonte:  Estadão

09 de junho de 2006

A vacina acaba com a sensação de gratificação trazida pela substância

WASHINGTON - A Clínica de Diminuição de Vícios da Universidade da Califórnia - São Francisco está testando uma vacina que recruta ajuda do sistema imunológico para manter a nicotina longe do cérebro. A vacina é projetada para ajudar os fumantes a largar o cigarro e para limitar a vontade de começar a fumar novamente.

Chamada NicVax, a vacina está sendo desenvolvida pela Nabi Biopharmaceuticals para evitar e tratar o vício em nicotina, e para ajudar as pessoas a parar de fumar. Normalmente, quando um fumante traga, a nicotina é levada pela corrente sanguínea até o cérebro, onde ativa os receptores para gerar sensações positivas, que podem levar ao vício. A vacina estimula o sistema imunológico a produzir anticorpos que reconhecem a pequena molécula de nicotina. Ligadas a esses anticorpos, as moléculas de nicotina não podem mais cruzar a barreira entre o sangue e o cérebro.

"Com pouca ou nenhuma nicotina alcançando o cérebro, fumar é menos gratificante. Isso dá ao fumante uma chance para mudar fatores sociais e comportamentais que também influenciam o fumo", disse Victor Reus, principal pesquisador do estudo da UCSF.

Já que os anticorpos continuam no corpo durante um tempo, Reus disse que é esperado que a vacina também evite a recaída. Quando um fumante vacinado fuma meses depois de parar, a pessoa não deve vivenciar a sensação de gratificação ativada pela nicotina e que leva muitas pessoas de volta ao vício.

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2