Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Demanda por fumo será maior nos próximos anos (10/8/2007)
Paula Johns

Fonte: Gazeta do Sul


09/08/2007 - 14:45 | Equipe Portal VIA

Mesmo diante das campanhas antitabagistas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) admite que a produção de tabaco, em nível mundial, deverá crescer nos próximos anos. A informação foi trazida pelo chefe do Departamento de Sistema de Produção e Sustentabilidade (Depros), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), George Simon, à reunião da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Fumo, ocorrida na manhã de hoje (09) em Brasília.

Simon integrou, como representante do Mapa, a comitiva brasileira que participou da 2a Conferência das Partes (COP), relativa à Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco, ocorrida em Bangkok, na Tailândia, no início de julho. Segundo ele, haverá aumento de demanda de fumo, principalmente pela China.

Durante a 3a conferência, o chefe do Depros disse que não foram promovidas discussões de criação de políticas de combate ao cultivo do fumo, mas sim de restrições à publicidade e ao consumo de produtos fumígeros. Ele revelou ainda a criação de comitê internacional, que visa promover estudos sobre o mercado ilegal de cigarros.

O presidente da Câmara, Romeu Schneider, agradeceu as informações do representante do Mapa. "A Câmara representa todo o setor e, para isto, precisamos estar informados sobre discussões e possíveis resoluções que podem afetar os segmentos envolvidos", destacou.


PESQUISA: A metodologia da pesquisa, que objetiva conhecer o tamanho real do mercado ilegal de cigarros no Brasil, também foi pauta da reunião do órgão federal. Segundo Schneider, o levantamento objetiva mensurar os números do contrabando e falsificação. "Com os dados, pretendemos promover iniciativas, junto aos órgãos governamentais, que possam inibir a ilegalidade", disse.

Tendo como base a produção, distribuição e venda de cigarros, a tarefa será composta de pesquisa documental e de campo. A amostra, que deverá consumir sete meses de trabalho, vai representar todas as regiões do país. Nova reunião sobre o assunto foi marcada para o dia 29 deste mês, quando será definido o nome do instituto que realizará a pesquisa.


COMERCIALIZAÇÃO: Publicado oficialmente em abril, o Regulamento Técnico de Identidade, Qualidade, Embalagem, Marcação e Apresentação do Tabaco em Folha Curado, entra em vigor em outubro. Superado a fase de ajustes desde a publicação, o coordenador de produtos vegetais do Mapa, Nilton Tapias Fernandes, lembrou que a comercialização da safra 2007/08, será regida, portanto, pela nova instrução normativa (IN no 10). Diante disto, a indústria e a representação dos produtores vão intensificar a divulgação do assunto, bem como providenciar treinamento para os técnicos de órgãos oficiais, das empresas e dos produtores. Também será providenciado a confecção de cartilha, contendo integralmente as novas instruções, para distribuição nas regiões fumageiras.

As informações são do Departamento de Comunicação da Afubra

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2