Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Soldados da ONU em Golã são acusados de contrabando de cigarros (18/11/2005)
ACTBR

FONTE: AGENCIA EFE
DATA: 14/11/2005 - 09h20

Jerusalém, 14 nov (EFE).- A Direção de Alfândegas de Israel suscitou um conflito com a ONU ao exigir o pagamento de impostos de soldados do organismo internacional que servem em Golã e que introduzem mercadorias da Síria para serem vendidas neste país.

Segundo as autoridades alfandegárias, militares que servem na Undof, um organismo de observadores militares que desde 1974 vigia um armistício entre sírios e israelenses nas colinas de Golã, trazem carros da Síria e maços de cigarro, entre outras mercadorias que são vendidas sem pagar impostos e a preços muito baixos.

O jornal Yediot Aharonot informa hoje que, com esse argumento, o organismo israelense está operando há meses na passagem da cidade de Kuneitra -parcialmente destruída na guerra de 1973- sob o protesto da ONU e também do Exército israelense.

Oficiais militares disseram ao jornal de Tel Aviv que o cruzamento de Kuneitra, que serve de separação entre Golã e o território sírio, não é uma passagem internacional, mas a Direção de Alfândegas afirma que seus inspetores têm o consentimento do Governo e estão amparados, entre outros, pela lei de anexação dessa meseta (1982).

A inspeção das mercadorias se impôs, pois, segundo explicou a porta-voz do organismo israelense, Idit Bar Zarhía, militares da Undof introduziram mercadorias contrabandeadas avaliadas em seis milhões de "shekel", o equivalente a quase US$ 1,5 milhão, aproveitando a imunidade que gozam por suas funções.

Os representantes da Undof pediram uma reunião de urgência com o ministro de Assuntos Exteriores israelense, Silvan Shalom, para solucionar o conflito.

Caso de não cessem as atividades alfandegárias em Kuneitra, os observadores militares estrangeiros serão transferidos ao território da Síria para supervisionar o cumprimento do armistício.

 

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2