Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Novo cigarro reduziria risco de câncer em 90% (18/11/2005)
ACTBR

DATA: 16/11/2005
FONTE: JORNAL EXTRA

AVISO PARA FUMANTES

Fabricante lançará produto com tabaco tratado no ano que vem

Londres - Um cigarro que supostamente reduz em até 90% o risco de câncer e de problemas cardíacos, segundo seus fabricantes, será lançado pela British American Tobacco (BAT) em 2006, segundo o jornal The Sunday Times. De acordo com jornal, esses cigarros seriam fabricados com tabaco tratado de modo que a presença de substâncias químicas cancerígenas seja inferior à dos cigarros tradicionais. E possuem um novo tipo de filtro, que, segundo a BAT, reduz bastante as toxinas restantes, embora deixe passar aos pulmões a nicotina.

A empresa assegura que também aperfeiçoou o método de secagem das folhas de tabaco, para que sejam reduzidas as toxinas cancerígenas na combustão.

Segredo mantido

A BAT pretende lançar esses cigarros em 2006, mas manteve seus planos em segredo até agora por não querer enfurecer os setores que denunciam o consumo de tabaco por seus efeitos letais.

Ainda segundo o jornal, estes grupos verão no novo produto uma cilada para recrutar mais fumantes em uma época em que o governo britânico e os de outros países tentam restringir o consumo do tabaco nos lugares públicos.

ESTRATÉGIA DOS ANOS 70 RETOMADA

16/11/2005

O jornal The Sunday Times lembrou que as companhias produtoras de cigarro já recorreram algumas vezes a estratégias semelhantes, como o lançamento na década de 70 de cigarros com menor conteúdo de alcatrão. Tudo que significa inalar tabaco representa um risco para a saúde. Fumar os novos cigarros seria como saltar do 15º andar, em vez do 20º: o risco é menor, mas a pessoa morre da mesma forma afirma John Britton, professor de Epidemiologia da Universidade de Nottingham.

Deborah Arnott, diretora do grupo contra o tabaco Action on Smoking and Health, afirmou que "a fumaça dos cigarros contém cerca de 4 mil substâncias químicas diferentes, muitas das quais são tóxicas", por isso o efeito dos filtros será mínimo.

Jornal: EXTRA Autor:
Editoria: Viva Mais Tamanho: 145 palavras
Edição: 1 Página: 16
Coluna: Seção:
Caderno: Primeiro Caderno

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2