Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Relatório do Surgeon General norte-americano demonstra de forma dramática os danos imediatos causados pelo fumo e pelo fumo passivo (15/12/2010)
Tobacco Control Center

Relatório ressalta necessidade de ação urgente das autoridades públicas para proteger a saúde

O novo relatório publicado pelo departamento norte-americano Surgeon General traz novas e dramáticas evidências de que o fumo e a exposição ao fumo passivo causam danos imediatos ao corpo humano, desencadeando alterações físicas que causam câncer, ataques cardíacos, doenças pulmonares e várias outras doenças graves, incluindo danos ao sistema reprodutor tanto de mulheres como de homens.

O relatório também conclui que mudanças no design de cigarros, como ventilação por filtros, agentes flavorizantes e adição de ingredientes químicos, com o tempo os tornam mais viciantes. Os cigarros de hoje fornecem nicotina ao cérebro de forma mais eficiente, viciando crianças mais rapidamente e dificultando o abandono do vício. Os esforços de décadas da indústria do tabaco para aprimorar a engenharia dos cigarros, juntamente com o uso de descrições enganosas (e agora proibidas) como “light” e “baixo alcatrão”, minam os esforços de prevenção e abandono do fumo, afirma o relatório.

Quase 50 anos depois que o primeiro relatório do Surgeon General foi publicado, em 1964, este último relatório é um lembrete de quão letal e viciante o fumo realmente é, e cada cigarro traz danos ao fumante. Ele envia uma mensagem clara a autoridades eleitas em todos os níveis de que a redução do tabagismo é uma das ações mais eficazes que podemos tomar para melhorar a saúde da nação e prevenir algumas das doenças mais mortais e caras de nossa sociedade.

O relatório também envia mensagens importantes a crianças e fumantes. Se você não fuma, não comece. Se você fuma, tente parar imediatamente e obter a ajuda de que precisará para ter sucesso. Isso vale não apenas para fumantes regulares, mas também para fumantes que não fumam todos os dias e aqueles que se consideram apenas fumantes “sociais”, e que podem achar que não estão em risco. A mensagem do relatório é clara: você está em risco. Não há níveis seguros de exposição à fumaça do tabaco, e você não precisa ser um fumante pesado ou de longa data para desenvolver uma doença relacionada ao fumo.

O relatório destaca a importância de ações que sabemos que funcionam para evitar que as crianças comecem a fumar, ajudar fumantes a parar e proteger o direito de todos a respirar um ar limpo, livre das centenas de substâncias tóxicas presentes na fumaça do cigarro. Apesar dos progressos em tornar locais de trabalho e ambientes públicos livres do cigarro, a maior parte da população ainda é exposta ao fumo passivo. Ninguém deve ser obrigado a respirar fumaça de cigarro de forma passiva no trabalho ou em locais públicos.
Os legisladores devem redobrar seus esforços para implementar medidas comprovadas que reduzam o consumo de tabaco e a exposição à fumaça passiva.

O relatório do Surgeon General detalha os graves efeitos à saúde até mesmo da breve exposição à fumaça do cigarro. Ele conclui que:

• A fumaça do tabaco contém mais de 7.000 substâncias e compostos químicos, incluindo centenas que são tóxicas, e pelo menos 70 que provocam câncer.
• Qualquer exposição às substâncias químicas cancerígenas presentes na fumaça do tabaco causam danos ao DNA de formas que levam ao câncer.
• A exposição ao fumo passivo tem um impacto adverso imediato no sistema cardiovascular, danificando os vasos sanguíneos, aumentando a probabilidade de coagulação sanguínea e aumentando os riscos de ataque cardíaco e derrame.
• O tabagismo dificulta que as mulheres engravidem e pode causar aborto espontâneo, parto prematuro e baixo peso do feto. Também prejudica a fertilidade masculina.

O relatório do Surgeon General traz os detalhes duros de como o consumo de tabaco mata mais de 400.000 americanos todos os anos e acarreta despesas de saúde de quase US$ 100 bilhões ao governo. Ao redor do mundo, o consumo de tabaco mata 5 milhões de pessoas por ano. O relatório aponta a necessidade de vontade política e ações urgentes para ganhar a luta contra o tabagismo.

O relatório [em inglês apenas], intitulado “How Tobacco Smoke Causes Disease” (Como a fumaça do tabaco causa doenças), está disponível em: www.surgeongeneral.gov .

O departamento norte-americano Surgeon General atua como uma autoridade líder na área de saúde para o governo dos Estados Unidos, trazendo aos americanos as melhores informações científicas disponíveis sobre como melhorar sua saúde e reduzir os riscos de doenças e lesões.

Caso tenha perguntas sobre o estudo ou como usá-lo em seus esforços de defesa, favor entrar em contato com research@tobaccofreekids.org.
****************************************
Campaign for Tobacco-Free Kids
1400 Eye Street, NW, Suite 1200
Washington, DC 20005
(202) 296-5469
(202) 296-5427 fax
www.tobaccofreecenter.org
www.tobaccofreekids.org
 

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2