Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Fumar em locais proibidos pode custar mil euros (19/12/2005)
ACTBR

Fonte: Portugal Diario

2005/12/16 | 10:34
Multas aplicam-se às infracções cometidas em locais de prestação de cuidados de saúde, estabelecimentos de ensino, sítios frequentados por menores de 16 anos, recintos desportivos e de espectáculos e transportes públicos
 

Fumar em locais proibidos vai dar origem a multas que podem ir de 50 a mil euros. A medida foi decidida esta quinta-feira em Conselho de Ministros, por transposição de uma directiva comunitária para a lei portuguesa.

As coimas aplicam-se às infracções cometidas em locais em que haja uma sinalização proibindo o cigarro, nos locais abrangidos pela lei. Locais de prestação de cuidados de saúde, estabelecimentos de ensino, sítios frequentados por menores de 16 anos, recintos desportivos e de espectáculos fechados, zonas de atendimento ao público, elevadores, estações de metro e comboio e transportes públicos sem zonas próprias.

O decreto-lei ontem aprovado aumenta ainda as multas à publicidade ilegal, que passam a ser de 2500 a 30 mil euros.

A fiscalização, que até agora era da competência da Direcção-Geral de Saúde passa para o Instituto do Consumidor.

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2