Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Informação é o melhor remédio: médica desvenda mitos da saúde em livro (9/4/2011)
Zero Hora

http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default.jsp?uf=1&local=1§ion=Segundo%20Caderno&newsID=a3268427.xml


O Dia Mundial da Saúde, comemorado na última quinta-feira, é uma data criada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) que destaca sobretudo a importância da informação para melhorar as condições da saúde pública. Nesse sentido, a desmitificação é uma poderosa arma.

Mitos são como uma cortina de fumaça, diz a médica americana Nancy L. Snyderman, autora de Mitos da Saúde (Ed. Sextante). Passados de geração para geração, eles são tão repetidos à exaustão que acabam tornando-se verdade. Quem nunca ouviu dizer que, se sairmos de casa sem agasalho, podemos pegar pneumonia? Ou que temos de tomar dois litros de água por dia? E que tomar vitamina C evita gripes?

Segundo a autora, membro do Colégio Americano de Cirurgiões, médica do Departamento de Otorrinolaringologia da Universidade da Pensilvânia e editora-chefe na área da medicina para a NBC News, não há nenhum estudo científico que sustente que ficamos mais hidratados se bebermos grandes quantidades de água, pois podemos obter o mesmo ingerindo água em sucos, leite, café, chá, frutas e legumes. Outro mito difícil de ser derrubado é que podemos nos resfriar ao pegar uma chuva ou até mesmo se sairmos de cabelo molhado no frio.

— A verdade é que resfriados são causados por vírus que são transmitidos de um indivíduo a outro quando tocamos algo que contenha esse microrganismo e, depois, tocamos os olhos, nariz e boca — explica a medica e pesquisadora.

Outro mito desfeito pela autora é o da vitamina C. Ele não traz muita proteção contra um resfriado a não ser que a pessoa corra em maratonas. Pesquisadores da Universidade de Nacional da Austrália e da Universidade de Helsinque analisaram 30 estudos conduzidos durante várias décadas e incluíam mais 1,1 mil indivíduos que tomavam doses diárias de pelo menos duas gramas — quatro vezes a dose normalmente encontrada em suplementos. Conclui-se que pessoas expostas a períodos de grande estresse — como os maratonistas — tinham probabilidade 50% menor de pegar resfriados com a dose. Já para o restante, vitamina C em excesso pode fazer até mal para a saúde.

Veja a seguir alguns exemplos de fatos que foram desmitificados pela autora:

:: Os fumantes são mais depressivos do que os não fumantes
VERDADE. Estudos demonstram que os fumantes têm mais tendências à depressão, embora especialistas não saibam explicar por quê. Eles acreditam que a nicotina e outros subprodutos do tabaco interfiram na percepção das substâncias químicas cerebrais. Isso faz sentido quando consideramos que um antidepressivo como bupropiona, que ajuda a equilibrar as substância químicas cerebrais, também seja usado para ajudar a parar de fumar.

:: Óculos de sol podem prevenir a cegueira
VERDADE. Óculos de sol não são apenas um acessório da moda: eles protegem os olhos contra os raios ultravioletas. A exposição à luz solar é uma das causas de catarata e essa doença pode levar à cegueira. Nas pessoas acima de 65 anos, a cirurgia de catarata é uma das mais comuns. A doença é um dos motivos para você usar óculos o ano inteiro, filtrando assim os prejudiciais raios UVA e UVB.

:: O melhor lugar para guardar remédios não é o banheiro
VERDADE. A umidade e as mudanças de temperatura podem reduzir o prazo de validade dos remédios, motivo pelo qual deve se manter medicamentos orais em uma área separada, como o armário do corredor. Se você não tiver esse tipo de espaço para guardá-los, pegue uma caixa e arrume seus principais remédios lá dentro.

:: Alergias podem matar
VERDADE. A maior parte das alergias não é perigosa , mas algumas delas são. A anafilaxia é a reação alérgica mais grave — e, felizmente, a mais rara. Cerca de 10% a 15% da população pode ter uma reação anafilática a praticamente qualquer alérgeno, incluindo picadas de inseto, pólen, algumas vacinas, medicamentos e certos alimentos. A reação é quase instantânea e todo o sistema é afetado. Pode ocorrer dificuldade de respirar por causa do fechamento da garganta, pulsação rápida, urticária ou inchaço e, em alguns casos, choque e colapso cardiovascular.

:: Beber entre uma e três xícaras de café por dia ajuda a manter a memória
VERDADE. Em novembro de 2005, pesquisadores austríacos confirmaram que o café pode, temporariamente, aguçar seu foco e sua memória. Após voluntários ingerirem cafeína equivalente a cerca de duas xícaras de café, sua atividade cerebral foi aumentada em duas regiões — o lobo frontal, que coordena a memória, e o cíngulo anterior, que controla a atenção.

:: O estresse não causa úlceras
VERDADE. O estresse estabelece as bases para algumas doenças, mas as úlceras não estão entre elas. As úlceras são causadas por uma espécie de bactéria chamada Helicobacter. Quase dois terços da população mundial estão infectados por essa bactéria. A boa notícia é que as pessoas que sofrem úlceras podem ser curadas com antibióticos.
CADERNO VIDA ZH
 

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2