Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Produtores vão pressionar indústria (8/2/2005)
ACTBR

04.02.2005

Viviane Monteiro

Nos próximos dias, entidades representantes dos agricultores de fumo da região sul do País, onde se concentram as plantações de tabaco, vão pressionar as empresas tabagistas, representadas pelo Sindicato da Indústria do Fumo (Sindifumo). O objetivo é renegociar o custo de produção da safra que começou a ser comercializada no dia 11 de janeiro.Na última reunião de negociação de preço, que ocorreu em janeiro, o Sindifumo aplicou um reajuste de 10% no custo de produção e fechou as portas para uma renegociação entre os dirigentes, o que gerou insatisfação nos plantadores quando pleiteavam aumento de 19,1%.

Ao acompanhar o processo de comercialização, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag) declarou-se insatisfeita com os critérios adotados pela indústria na classificação do fumo. "Percebemos que não existe um critério padrão. O que percebemos é que quando existe muita oferta as fumageiras arrocham na classificação, deixando o valor da arroba de tabaco ainda mais baixo", disse o assessor de política agrícola da Fetag, Iliziário Toledo.

Segundo Toledo, o preço das baixeiras, primeiras mercadorias comercializadas e menos valorizadas, está ficando muito abaixo da média da tabela, que é de R$ 77,10 na arroba do T02 (classe do tabaco mais valorizada).

Durante o encontro, foram exibidas notas fiscais de compra nas quais constam pagamentos que variam entre R$ 30,00 a R$ 40,00 a arroba. "O certo é que ficasse em torno de R$ 60", disse ele.

O profissional disse que a Fetag deve se reunir com outras entidades para reabrir as negociações com o Sindifumo sobre preço e critérios na classificação. A Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra) também disse que vai aderir à essa iniciativa.

Fonte: InvestNews
http://www.investnews.net/ultimasnoticias/default.asp?id_editoria=2345&id_noticia=487315
 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2