Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Trabalhadores de bares na inglaterra sentem os benefícios da proibição de fumar em locais fechados (10/10/2007)
Fabiana Fregona

Tradução livre

Fonte: ASH Daily News
9 outubro 2007

Trabalhadores de bares na Inglaterra sentem os benefícios da proibição de fumar em locais fechados

Estudo indica que trabalhadores da indústria da hospitalidade em todo o país já estão sentindo os benefícios à saúde causados pela proibição de fumar que entrou em vigor em 1 de julho.

Uma pesquisa do Centro Colaborador de Controle do Tabaco de Warwick reportou que antes da proibição, a média de exposição de um empregado da indústria da hospitalidade era o equivalente a fumar 190 cigarros por ano. Um estudo, realizado em 40 pubs e restaurantes em agosto, revelou hoje que o nível de exposição à poluição tagística ambiental entre os trabalhadores do setor caiu 95%.

Hoje como o fumo somente é permitido em áreas designadas nos espaços externos de pubs, restaurantes e hotéis, os trabalhadores estão expostos a fumaça ambiental de tabaco de 44 cigarros por ano.

Os pesquisadores testaram a qualidade do ar de pubs e restaurantes e mediram os níveis de cotinina, o sub-produto da nicotina metabolizado pelo organismo, no sangue de trabalhadores não fumantes. Descobriram que a qualidade do ar passou de níveis nocivos para níveis similares ao de
ambientes ao ar livre e que os funcionários tem uma quantidade de nicotina no sangue quatro vezes menor do que em junho.
 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2