Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Jovens alemães estão fumando menos e consumindo mais álcool (8/5/2008)
Fabiana Fregona

Alemanha | 05.05.2008

Großansicht des Bildes mit der Bildunterschrift:  Venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos é proibida na Alemanha

 Fonte: DW, World Brazil, 8/5/08

Relatório do governo mostra que um em cada quatro jovens bebe em excesso ao menos uma vez por mês. Cigarro e maconha perdem o apelo entre os menores de 18 anos.

Os jovens alemães fumam cada vez menos e consomem cada vez mais bebidas alcoólicas, segundo um relatório do governo alemão divulgado nesta segunda-feira (05/05). O documento afirma que, em média, os adolescentes entre 12 e 17 anos ingeriram 50,4 gramas de álcool por semana em 2007, o equivalente a quatro garrafas long neck (330ml) de cerveja. Dois anos antes, a média era de 34,1 gramas semanais.

Se em 2005 era de 20% o percentual de jovens que dizia já ter ao menos uma vez bebido cinco ou mais copos em seqüência, em 2007 esse índice foi de 26%. De acordo com o relatório, um em cada quatro jovens bebe em excesso ao menos uma vez por mês na Alemanha. O número de crianças e adolescentes entre 10 e 20 anos que foram parar no hospital por causa desse comportamento mais que dobrou entre 2000 e 2006, passando de 9,5 mil para 19,5 mil.

Fumo

"Esses padrões de consumo problemáticos se acentuam principalmente entre os jovens", afirmou a deputada Sabine Bätzing (SPD), responsável pela política de combate ao consumo de drogas do governo federal alemão, durante a apresentação do relatório, em Berlim. Ela disse que o controle sobre a proibição da venda de álcool para menores de 18 anos deve ser reforçado.

Bildunterschrift: Großansicht des Bildes mit der Bildunterschrift:  O cigarro é um vício para 16 milhões de pessoas na AlemanhaJá o hábito de fumar está perdendo força entre os adolescentes do país. Se há sete anos 28% dos jovens entre 12 e 17 anos fumavam, em 2007 o percentual alcançou apenas 18%. O objetivo do governo para este ano é chegar a 17%. "Esse é um grande sucesso para a nossa política antifumo", afirmou Bätzing.

Também o consumo de maconha entre os menores de 18 anos caiu. No ano passado, 13% dos adolescentes já haviam provado a droga. Em 2004, o percentual era de 22%. O número de pessoas que consome regularmente maconha na Alemanha não se alterou, permanecendo em 600 mil. A maioria é jovem.

Mortes

Todos os anos o álcool causa a morte de 42 mil pessoas no país. O consumo de cigarros mata anualmente 140 mil e mais 3,3 mil morrem do chamado "fumo passivo", ou seja, a absorção da fumaça devido ao convívio com fumantes. A Alemanha tem 16 milhões de fumantes, segundo o relatório.

Ao todo, 9,5 milhões de pessoas consomem álcool de uma "forma perigosa", segundo o relatório, e 1,3 milhão são alcoólatras. Na Alemanha há ainda 1,5 milhão de pessoas dependentes de medicamentos – a maioria mulheres –, principalmente remédios para dormir.

As mortes causadas pelo consumo de drogas ilegais também aumentaram entre 2006 e 2007, passando de 1.296 para 1.394 ao ano. É a primeira vez desde o ano de 2000 que o número aumentou.

 Agências (as)

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2