Artigos
Dados
Fatos em Destaque
Pesquisas
Publicações
Notícias
Rede DCNT

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Comida orgânica? Um remédio para todos os males da saúde? (18/2/2017)
The Lancet

http://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(17)30391-4/fulltext?elsca1=etoc

A escassez de vegetais e o aumento dos preços que ocorreram no último mês no Reino Unido foram atribuídos ao mau tempo na Espanha, o que demonstra como políticas sustentáveis de agricultura são importantes para a saúde, considerando as mudanças na disponibilidade das fontes de alimentos. A comida orgânica é vista por muitos como parte de um estilo de vida saudável. Atualmente, a União Europeia é responsável por 24% das terras orgânicas do mundo, e espera-se que o mercado global de orgânicos cresça 2,5 vezes e chegue a 220 bilhões de dólares em 2020. Um relatório recente encomendado pelo Parlamento Europeu analisou se uma dieta orgânica é de fato mais saudável do que uma não orgânica através de estudos epidemiológicos, in vitro e com animais.


  O relatório confirmou revisões sistemáticas preliminares que descreviam um número pequeno de estudos que investigavam o potencial efeito benéfico que uma dieta orgânica traria para a saúde. O maior dos estudos epidemiológicos sobre alergias e doenças atópicas, o estudo PARSIFAL, analisou 14.000 crianças entre 5 e 13 anos em cinco países europeus. O resultado foi que crianças com dietas biodinâmicas em escolas Waldorf tinham uma prevalência menor de sintomas alérgicos. Entretanto, em todas as faixas etárias, não foi possível identificar se outros fatores de um estilo de vida saudável relacionados com a preferência por alimentos orgânicos eram responsáveis por essa relação.


  Uma vantagem de uma dieta de plantas orgânicas é a menor exposição a pesticidas sintéticos com potenciais propriedades neurotóxicas, disruptoras do sistema endócrino ou cancerígenas. Três estudos de coorte de longo prazo associaram a exposição a pesticidas durante a gravidez com efeitos negativos no quociente de inteligência e desenvolvimento neurocomportamental. O relatório afirma que os alimentos orgânicos são benéficos para grávidas e mulheres que estão amamentando. A produção de alimentos orgânicos também restringe o uso de antibióticos nos animais, o que resulta em concentrações menores de cádmio na colheita. O relatório inclui recomendações de políticas sobre essas duas questões.


  Estudos grandes, prospectivos e a longo prazo também são necessários, bem como um exame mais profundo das políticas agrícolas e a saúde. Para orientar futuras escolhas de alimentos, muito ainda depende do surgimento de pesquisas multidisciplinares robustas.
 

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2