Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Planalto prepara novo aumento de impostos sobre cigarros (1/4/2009)
Folha de S. Paulo

O governo federal pretende promover uma segunda rodada de aumento de tributos sobre cigarros para acrescentar aproximadamente mais R$ 500 milhões à arrecadação, informa reportagem de Leonardo Souza publicada na Folha desta quarta (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal). Técnicos do Ministério da Fazenda negociam com representantes do setor o formato da nova elevação de impostos, segundo apurou a reportagem.

Como forma de compensar as perdas tributárias decorrentes do pacote de estímulo à economia que prorrogou a redução do IPI para carros e desonerou materiais de construção, o governo resolveu elevar a alíquota de impostos sobre cigarros.
Entretanto, a perda da arrecadação com as medidas de estímulo é de R$ 1,6 bilhões, enquanto o ganho com o aumento da tributação dos cigarros é de R$ 975 milhões. Ficariam faltando R$ 700 milhões para a conta fechar.

Na verdade, informa a reportagem da Folha, o plano inicial do governo era aumentar a arrecadação sobre cigarros, numa tacada só, em R$ 1,5 bilhão. Essa ordem chegou a ser dada pelo ministro Guido Mantega (Fazenda) à Receita Federal no começo de janeiro.
No entanto, por pressão dos dois grandes fabricantes de cigarros, Souza Cruz e Philip Morris e também por desentendimento entre eles sobre o formato do aumento do tributo, o governo preferiu ceder e promover a elevação dos impostos em duas etapas.

Leia a notícia completa na Folha desta quarta, que já está nas bancas.


 

 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2