Agenda
Artigos
Boletim
Campanhas
Enquetes
Notícias
Press Releases

 

 
 

 
Principal > Comunicação > Notícias

notícias

Exposição ao fumo passivo aumenta risco de problemas urinários em crianças (25/5/2012)
RCM Pharma

http://www.rcmpharma.com/actualidade/saude/25-05-12/exposicao-ao-fumo-passivo-aumenta-risco-de-problemas-urinarios-em-crianca

Pais que fumam podem colocar os seus filhos em maior risco de problemas urinários como irritação na bexiga, de acordo com investigadores da Rutgers University, nos EUA, avança o portal ISaúde.
Os resultados mostram que as crianças entre as idades de 4 e 10 anos são as mais vulneráveis e que, quanto maior a exposição, piores os sintomas.
Irritação da bexiga envolve a vontade de urinar, urinar com mais frequência e incontinência. O estudo revelou que a exposição ao fumo passivo está associada a sintomas mais graves de irritação da bexiga.
A equipa, liderada por Kelly Johnson, analisou informações de 45 crianças com idade entre 4 a 17 anos. Todos apresentavam sintomas de irritação da bexiga. Os investigadores dividiram as crianças em quatro grupos com base na gravidade dos seus sintomas: muito leve, leve, moderada ou grave.
Vinte e quatro das crianças estudadas apresentaram sintomas moderados a graves de irritação da bexiga, enquanto 21 apresentaram sintomas leves ou muito leves.
Os investigadores notaram que as crianças com sintomas moderados ou graves eram mais propensas a ter exposição constante ao fumo passivo. Destas crianças, 23% tinham um dos pais fumantes e 50% delas eram regularmente expostas ao fumo passivo dentro de veículos.
Por outro lado, as crianças cujos pais não fumavam e não foram expostas ao fumo passivo em veículos tiveram apenas sintomas muito leves ou leves de irritação da bexiga.
"O fumo passivo é a principal causa de morte evitável nos EUA. Além de doenças como cancro do pulmão, doenças cardíacas e asma, agora sabemos que o tabagismo tem um impacto negativo sobre os sintomas urinários, particularmente em crianças jovens. Os dados apresentados nesse estudo devem ser adicionados como prova indiscutível de que os pais não devem fumar perto dos seus filhos", ressalta o investigador Anthony Atala.
 
ACT | Aliança de Controle do Tabagismo
Rua Batataes, 602, cj 31, CEP 01423-010, São Paulo, SP | Tel/fax 11 3284-7778, 2548-5979
Av. N. Sa. Copacabana, 330/404, CEP 22020-001, Rio de Janeiro, RJ | Tel/fax 21 2255-0520, 2255-0630
actbr.org.br | act@actbr.org.br
FW2